Panorama Ambiental

Serviços em espeleologia

Sobre a Panorama


A Panorama Ambiental

A Panorama Ambiental é uma empresa especializada no estudo do patrimônio espeleológico, objetivando a prestação de serviços em consultoria ambiental, cultural e atividades paisagísticas voltadas à manutenção das paisagens naturais e de solos não agrícolas, sendo referência em todos os serviços envolvendo a presença de cavernas nas áreas afetadas por empreendimentos.

Possui uma equipe de especialistas nas áreas de Meio Ambiente, Espeleologia, Geologia, Biologia, Engenharia Florestal, e Turismo e diversos parceiros em áreas afins.

A contratação de especialistas na área de espeleologia deve ser firmemente considerada pela especificidade do tema. O ambiente cárstico apresenta características que destoam do conhecimento comum, possuindo uma metodologia de identificação própria, estudos particulares e legislação específica. A investigação por pesquisadores inexperientes pode suscitar a perda de informações e resultar em desperdício de recursos e esforços.

Nos últimos 25 anos seus colaboradores estiveram diretamente envolvidos no estudo dos ambientes subterrâneos, bem como na discussão e formulação das diretrizes para uso e licenciamento do patrimônio espeleológico nacional.

A Empresa

A Panorama Ambiental foi constituída em 2007 visando a prestação de serviços de consultoria ambiental, especialmente envolvendo a presença de cavernas nas áreas afetadas por empreendimentos como PCHs, ferrovias, estradas, parques eólicos, mineração, fazendas, etc.

Entre os trabalhos realizados na análise dos impactos ao patrimônio espeleológico, destacam-se assessorias, diagnósticos, inventários, estudos de relevância(conforme IN MMA 002/2008), mapeamentos, levantamentos geológicos, geomorfológicos e geofísicos, bem como Planos Básicos Ambientais (PBA) e monitoramentos diversos.

Além destes, a Panorama Ambiental atua na avaliação técnica sobre aspectos arqueológicos e paleontológicos e estudos de proposição de Unidade de Conservação (UC).

Coordenação:

A equipe técnica da Panorama Ambiental conta com larga experiência na área de espeleologia com formação em grupos espeleológicos tradicionais como Espeleogrupo de Brasília (EGB) e Grupo de Espeleológia da Geologia (GREGEO/UnB).

Diretor/Coordenação Geral: Edvard Dias Magalhães

Coordenação Técnica: Samuel Fernandes da Costa Neto

Clientes


Serviços prestados


Laudo de potencial espeleológico

Avaliação espeleológica in situ com elaboração de laudo quanto ao potencial de ocorrência de cavernas. Nestas visitas técnicas busca-se agregar elementos que esclareçam quanto à necessidade da realização de Inventário Espeleológico.

Caracterização espeleológica

(Análise de relevância das cavernas, em cumprimento à IN MMA nº 002/2008): Prestação de serviços especializados com a realização dos estudos espeleológicos, técnicos e científicos, para caracterização biótica (de vertebrados e invertebrados), abiótica (geologia, hidrogeologia, geomorfologia e paleontologia), sócio-econômica e levantamento arqueológico em cavidades naturais subterrâneas.

Inventário espeleológico

São ações de quantificação das cavidades, através de prospecção. Neste levantamento, busca-se a localização de cavidades na área concernente ao licenciamento ambiental. Abrangem atividades de pesquisa bibliográfica, avaliação prévia, revisão dos mapas de potencialidade e elaboração de mapeamentos espeleológicos expeditos.

Topografia espeleológica

Levantamento sistemático e gerar documentação básica para etapas de caracterização e estudos complementares das cavidades naturais subterrâneas. Esta etapa pode ser aferida com o grau de precisão necessário, sendo empregada para tanto, profissionais especialmente capacitados, equipamentos e técnicas apropriadas. Os dados são processados e mapas confeccionados em meio digital (KML, DWG, SHP e CDR).

Monitoramento espeleológico

(Meio físico e biótico): Execução das ações previstas nas etapas de licenciamento e do Plano Básico Ambiental (PBA) para a avaliação de possíveis interferências imediatas às cavernas concernentes ao empreendimento, decorrentes de sua instalação e operação.

Diagnóstico negativo

Comprovação da inexistência de cavidades com verificação in situ, ou delimitação de áreas com constatada ausência de cavidades naturais subterrâneas, para os diversos fins associados ao licenciamento ambiental.

Levantamento de fauna cavernícola

O levantamento é realizado com observações diretas e indiretas de fauna vertebrada e invertebrada cavernícola, podendo envolver ações de captura, coleta, transporte e conservação de espécimes, sendo os dados obtidos avaliados por equipe técnica qualificada (Mestres e Doutores em bioespeleologia).

Resgate e monitoramento de fauna

Procura e captura de espécimes por grupo de animais cujos habitats serão suprimidos. Estes serão identificados e soltos em áreas que possuam características ecológicas similares a de origem. Posteriormente, deverá ser realizado o monitoramento, visando acompanhar a fauna local ao longo do tempo.

Geoespeleologia

Ações que abrangem o mapeamento geológico no exocarste e no endocarste, com finalidade de caracterizar feições espeleogenéticas, desenvolvimento cárstico (dissolução e incasão) e subsidiar outras caracterizações do meio físico.

Geofísica aplicada

Investigações por métodos geofísicos para a análise de componentes geoespeleológicos. Levantamentos de eletroresistividade, de GPR e de sísmica associados ao carste.

Hidrogeologia cárstica

Levantamento focado na determinação de rotas de fluxo e caracterização de aquíferos cársticos. A empresa também oferece serviços de ensaios com traçadores corantes e determinação de plumas poluentes, entre outros.

Mapeamento geológico básico

Investigação que objetiva o dimensionamento, origem, evolução e importância regional e local de corpos rochosos. Fornece informações que subsidiem a tomada de decisões: na descoberta de recursos minerais e energéticos, na construção civil, na ocupação e uso do solo, na prevenção de catástrofes naturais e no planejamento de políticas públicas diversas.

Levantamentos paleontológicos

Levantamentos para a determinação de áreas com potencial fossilífero e caracterização dos sítios paleontológicos.

Análise de aptidão turística em áreas cársticas

Análise de potencial e vocação para exploração turístico-econômica sustentável do patrimônio espeleológico.

Plano de Manejo para turismo espeleológico

Documento que reúne estudos técnico-científicos com o intuito de disciplinar o uso do patrimônio espeleológico através do seu zoneamento – estabelecendo uso diferenciado para cada área respeitando as suas características – com o objetivo de atingir o equilíbrio entre o uso e a preservação ambiental.

Inventariação de atrativos turísticos naturais

Levantamento e mapeamento de atrativos naturais para desenvolvimento de ecoturismo.

Capacidade de carga turística

Estudo que visa determinar o fluxo de visitação de um atrativo turístico visando minimizar os impactos e maximizar a qualidade da experiência turística.

Gestão do Patrimônio Espeleológico

Realização de serviço técnico, com disponibilização de equipe multidisciplinar especializada nos aspectos legais, ambientais e administrativos, inerentes à gestão do Patrimônio Espeleológico:
• Estudos de Impactos Ambientais (EIA);
• Relatório de Impacto Ambiental (RIMA);
• Projeto Básico Ambiental (PBA);
• Plano de Recuperação de Áreas Degradadas (PRAD);
• Plano de Manejo;
• Proposição de Unidades de Conservação. .

Monitoramento de impactos de visitação sobre Patrimônio espeleológico

Estudo posterior ao Plano de Manejo para Turismo Espeleológico com finalidade de identificar, quantificar e qualificar os impactos da visitação sobre áreas cársticas, com recomendações quando pertinente.

Inventário florestal

Avaliação quantitativa e qualitativa das espécies florestais de uma área, com objetivos de fornecer dados para elaboração de planos de manejo, análise de danos por exploração e pesquisas socioeconômicas ou protecionistas. Os objetivos e métodos variam de acordo com o uso do terreno, que pode ser para recreação, reserva florestal, área de manutenção da vida silvestre, áreas de reflorestamento comercial, entre outros.

Recomposição de flora

Recuperação florestal de áreas degradadas por diferentes atividades, geralmente isoladas dos remanescentes florestais e que necessitam de uma sistematização de técnicas para sua recuperação.

Cursos e palestras

Cursos e palestras de nivelamento em espeleologia para os setores jurídico, de engenharia e de meio ambiente.

Atuação


Transporte e cargas

A Panorama Ambiental possui larga experiência em soluções ambientais para atividades associadas ao transporte de passageiros e cargas, como rodovias, ferrovias, hidrovias, bem como de seus pontos de apoio (terminais rodoviários, ferroviários, portos e aeroportos).

Os empreendimentos desta natureza dependem de licenciamento ambiental, cujas autorizações são cedidas pelos órgãos ambientais competentes para sua instalação e operação. Tais autorizações demandam tempo, planejamento e recursos que, quando não empregados corretamente, impactam orçamentos e cronogramas de forma negativa. A Panorama Ambiental oferece produtos que respondem a estas necessidades, desde o licenciamento prévio até as etapas de monitoramento.

Energia

Diversas atividades geradoras de energia (PCHs, UHEs, Parques Eólicos, Termoelétricas, entre outras) e empreendimentos complementares (subestações, linhas de transmissão, etc) necessitam de autorização dos órgãos ambientais competentes para seu planejamento, instalação e operação. De acordo com a complexidade do projeto, a dimensão e a potência gerada, estes estudos demandam diferentes graus de detalhamento.

O licenciamento ambiental, em especial quando vinculado ao patrimônio espeleológico, necessita contemplar os levantamentos ambientais desde sua etapa de planejamento para que estas atividades não impactem de forma negativa e imprevista no orçamento dos projetos. A Panorama Ambiental oferece produtos que visam subsidiar o gerenciamento destes licenciamentos e suprir suas diversas fases.

Mineração

Todas as atividades de extração mineral, bem como as obras que subsidiem sua operação (barragens de rejeito, minerodutos, oleodutos, gasodutos, etc.), necessitam atender as exigências do DNPM e dos órgãos ambientais competentes em relação aos impactos gerados. Estas exigências compreendem desde as atividades de pesquisa (próprias do DNPM e requeridas por este) até as licenças ambientais (LP, LI e LO). Os levantamentos que subsidiam a concessão do direito de minerar devem prever as ações ambientais cabíveis para cada tipo de empreendimento, de forma que este se torne viável e exequível em tempo hábil.

A Panorama Ambiental oferece produtos com detalhamento próprio para cada etapa do licenciamento ambiental visando o melhor custo-benefício que harmonize a atividade empresarial com a responsabilidade ambiental.

Turismo

A Panorama Ambiental oferece soluções para o desenvolvimento de atividades turísticas, sem perder o foco da conservação dos ambientes naturais.

As atividades de ecoturismo (turismo espeleológico) dependem da valorização dos ambientes naturais e de autorizações dos órgãos ambientais para o seu desenvolvimento e implantação. O licenciamento ambiental demanda tempo, planejamento e recursos que, quando não empregados da forma correta, podem impactar negativamente o orçamento de tais empreendimentos. Além da necessidade do licenciamento ambiental, a atividade deve necessariamente se desenvolver de forma sustentável.

Outros

A Panorama Ambiental oferece serviços que visam suprir informações necessárias para o licenciamento ambiental de outros empreendimentos, tais como:

• Construção civil: Prédios, pontes, shoppings, etc;
• Aterros Sanitários;
• Agropecuária.

Para informações de outras atividades ligadas à área ambiental, favor entrar em contato.


MP entra com ação para recuperar cavernas soterradas por lama em MG.

Segundo a Promotoria, 5 dessas formações foram atingidas pelos rejeitos da Samarco e estão dentro de área de proteção especial

Emílio

CECAV/ICMBIO divulga documentos sobre sismografia e cavernas

ICMBio lança documento para auxiliar estudos de licenciamento ambiental em áreas onde as cavidades naturais subterrâneas possam ser impactadas

Emílio

Resolução regula espeleologia nas UC's de Goiás

As atividades técnico-científicas de prospecção, exploração, topografia e mapeamento de cavidades naturais subterrâneas e outras que implicarem na coleta de dados espeleológicos, estarão sujeitas às normas da Resolução CEMAM Nº 05, DE 29 DE JULHO DE 2016 que regula a realização de estudos, pesquisas ou atividades de cunho técnico-científico em Unidades de Conservação Estaduais, envolvendo seus elementos bióticos, abióticos e antrópicos, devendo ser autorizada pelo órgão responsável pela Unidade de Conservação Estadual em Goiás.

Emílio

Minas Gerais estabelece critérios para a compensação e a indenização dos impactos e danos causados em cavidades naturais subterrâneas

A indenização dos danos em cavidades naturais subterrâneas ou suas respectivas áreas de influência, obedecerá aos critérios estabelecidos no Decreto nº 47.041/2016, que considera dano em cavernas as alterações negativas em sua condição original, não autorizadas ou licenciadas pelo Poder Público.

Emílio

MP recomenda proteção de pinturas rupestres e cavernas em Campo Formoso

O promotor de Justiça Pablo Antônio Cordeiro de Almeida, recomendou ao prefeito municipal e ao secretário municipal de Meio Ambiente de Campo Formoso que suspendam o curso ...

Emílio

Túneis subterrâneos gigantes são descobertos em São Joaquim

Emílio

Legislação Específica


Constituição Federal de 1988LinkPatrimônio da União
Decreto nº 99.556/1990 (+Dec. 6.640/08)LinkPDFPatrimônio Espeleológico
Decreto-Lei nº 25/1937LinkPatrimônio histórico
Instrução Normativa ICMBio nº 30/2012PDFCompensação Espeleológica
Instrução Normativa MMA nº 02/2009LinkPDFCritérios de relevância
Legislação Mineira - Decreto 47041, de 31/08/2016LinkPDFA indenização dos danos em cavernas.
Lei nº 3.924/1961LinkMonumentos arqueológicos
Lei nº 9.985/2000LinkLei do SNUC
Portaria IBAMA nº 887/1990PDFUso do Patrimônio Espeleológico
Resolução CEMAM nº 05, de 29 de Julho de 2016LinkPDFRegula a realização de estudos em Unidades de Conservação.
Resolução CONAMA nº 01/1986LinkPDFAvaliação de Impacto Ambiental
Resolução CONAMA nº 04/1987LinkPDFRelevância cultural
Resolução CONAMA nº 237/1997LinkPDFLicenciamento Ambiental
Resolução CONAMA nº 347/2004PDFProteção ao Patrimônio
Resolução CONAMA nº 428/2010LinkPDFUC, ZA e modifica a Res. 347/04
Resolução conjunta SEMAD/IEF/FEAM/IGAM nº 2420LinkPDFInstitui Grupo Interdisciplinar de Espeleogia - GRUPE.

Entre em contato


Endereço
Panorama Ambiental
CLN 205 Bloco A Sala 06
Asa Norte. Brasília - DF
T: (61) 3039.1096, 8114.0932
Email
panorama@estudosambientais.com.br